RAPichaSOM

Digite o quê você procura.

terça-feira, 18 de dezembro de 2007

Entrevista com NED

Uma vez no meu fotolog, nosso entrevistado de hoje fez um comentário, que gerou comentário do comentário, de tão responsa que tinha sido o que ele escreveu, inteligente, humilde e representante da sul, eu to devendo uma entrevista pra ele. Vou fazer pode deixar. Mas ao contrário de mim, ele já mandou a dele, com vocês.


0 - Qual seu xarpi?
NED

1 – Começou a colocar nome em que ano?
1993 foi o ano em que decidi mudar meu charpi para NED e lançá-lo nas proximidades de onde andava. Passei a andar na Ronald de Carvalho e fiquei até meados de 1995, ano que eu havia mudado a minha caligrafia, mas nesse mesmo ano fiquei muito deslumbrado com as drogas e a criminalidade e então fui morar na roça, ta certo que vinha para o Rio de 15 em 15 dias, mas não achava mais tanto tempo pra pichar, estava gostando muito da Brizola. No fim de 1996, fui apresentado ao DAK pelo intermédio do SHAK, eu já o tinha visto no baile da Pereira, só que tava pancadão e queria 5 reais dele pra dar mais um teco (hahahahah), lembro que na hora fiquei boladão com ele, mas depois vim a conhecê-lo melhor. Eu e SHAK paramos de cheirar e passamos a freqüentar com freqüência a casa do DAK pra dar umas bongadas, como o DAK estava na febre, voltamos a pichar, aí foi dessa época até o fim de 1998, início de 99 quando decidi realmente parar.
2 - Lembra de algum fato macante nesse ano? (Política, esporte, qualquer coisa que tenha te marcado?)
A chacina de vigário Geral que resultou em um brutal extermínio de 21 pessoas, chacina da Candelária, que resultou na morte de 8 meninos de rua, Morte de Tião Macalé, Assassinato da Daniela Perez, fundação do PCC (Primeiro Comando da Capital), criação da Guarda Municipal do Rio de Janeiro. Porra vou parar por aqui que esse ano só lembrei desgraça, hahahahahaahah. Mas o mais marcante desse ano de 93 foi o meu ingresso ao mundo da pichação.
E depois dizem que nhacoma causa amnésia!
3 - O quê te levou a entrar no xarpi?
Sempre observei as pichações desde que aprendi a ler e ficava tentando decifrar o que estava escrito. A caminho do colégio via diversas pichações e pensava na ousadia dos caras e tal, essa deve ter sido minha motivação.
4– Por que você resolveu colocar esse nome? Algum motivo especial?
Bom mano esse não foi o meu primeiro nome, acho que a maioria dos pichadores já picharam outro nome antes de definir a sua assinatura. Lembro que na segunda, terceira série ficava eu e mais um amigo meu da minha sala inventando uns nomes, mas o primeiro que joguei no muro foi o meu próprio nome, depois passei pra MOSCA, e depois na época de fliperama tinha um amigo meu que me chamava de Nelson Ned, por causa da minha altura, aí a partir daí nos recordes das máquinas como eram em sua grande maioria três caracteres apenas comecei a assinar NED, foi um pulo pra ir pros muros e se tornar meu pseudônimo definitivo, pois procurava um nome curto pra poder lançar rápido e economizar tinta.
Hahaha, lembrou bem, eu no fliperama era NDV
5 - Tem algum parceiro? Alguém com quem você gosta de pichar junto?
Cara, já pichei com vários amigos e todos sempre atenderam e superaram as minhas expectativas, vou citar os que saíram comigo várias vezes o primeiro FICO, logo quando comecei a andar na Ronald, época maneira, depois com o mano SHAK, várias saídas demos até umas relembradas, e agora na volta formei um trio maneiro com o KOR e ASTA, depois ficou só eu e KOR mesmo. Mas nesse meu tempo de charpi já tive a oportunidade de sair pra charpi com várias pessoas e no momento não me recordo de nenhuma vez que não tenha rolado uma sintonia na missão, porque se não rolar a sintonia, fatalmente não rola a missão também.
6 – Qual tua sigla? (se tiver) O que significa?
(L)” LEGALIZE. O nome já diz tudo, é uma sigla que luta pela legalização da maconha.
7 - Já colocou outras siglas? Quais?
Pô minha primeira sigla foi C.P., mas não é essa que você ta pensando hehheheh, era Comando da Pichação (inocente, não?), depois quando comecei a andar mais com o SHAK surgiu a T.G. (Tiranos do Garafite), e passei a lançar, acho irada essa sigla até hoje.
8 – Gostaria de ter posto alguma outra? Do passado por exemplo?
Pô Cara, já até pus de caô duas siglas que não fiz parte, mas que sempre admirei, uma F.R. (Filhos da Rebeldia) e a outra T.S. (Terroristas da Sul). Mas com certeza tem mais, citarei mais cinco siglas aqui pra não me estender muito. A.M. Amantes da Maconha, P.E. (Pichadores de Elite), U.M. (União do Mal), E* (Exclusivos), A.A.P. (Amantes da Arte Proibida)
9 – O quê você mais gosta de pegar?
Mulher, maconha, depende do contexto hahahahahahahahahahahahah, to zoando. Pô cara nome no alto é sempre um destaque né, principalmente se for uma marquise de pastilha bem alta que ninguém tenha pego, mas curto muito as pedrinhas também, acho que os eternos são os meus objetivos. É difícil essa pergunta mano, são energias e experiências diferentes, ambas muito válidas. Mas resumindo acho que depende da circunstância e de como vai ficar o nome.

10 - Quem você admira no xarpi? Quais os nomes.?
Porra esse lance aí é foda impossível não citar o VINGA, KIL, TANE, SAGÃO, RIVAL, JONES, GRILO, RANES, SAL, SMAL, COBRA, SNOOPY, LEY 14, WGANGA, YNDYA, ARY, ZILU, RUNK, ELFS, LEGO, ZAG, END, SEIF, I.NINJA, PAG, você mesmo também NUNO, e por aí tem vários, vou te dar um exemplo na minha pasta devo ter uns 600 nomes, 200 são os que eu já admirava, agora que conheci outros nomes e outras pessoas passei a admirar mais 100, então se eu for citar vai ser foda, mas se você quiser eu cito depois.
Nanão esses tão de bom tamanho, hahaha!!
11- Fora esses, quem na atualidade tá de destacando na tua visão?
Bom é impossível não ver RUNK, SOD, GOL. Mas acho que a pichação chegaou a um nível em que todos estão pichando muito bem. É difícil dizer isso, mas pra mim é mais fácil dizer quem não está se destacando.
12 - O quê você acha dessa era xarpi digital?
Cara essa era do charpi digital ta um luxo, todos tem a oportunidade de expor seus “trabalhos” e a oportunidade de ouvir comentários sobre o mesmo. Sem falar também que é um canal de divulgação, interação, debates, troca de experiências e principalmente informação de um fenômeno social marginalizado pela maioria das sociedades e considerado crime, mas que acho de suma importância para o entendimento de uma época que já perdura 40 anos.
13 - Qual época era mais fácil pra xarpi? 80-90 ou 2000 (Resposta opcional)
Imagino que na década de 80 devia ser mais tranqüilo, pois as ruas não tinha o mesmo movimento de hoje, mas além disso ser uma vantagem era uma péssima desvantagem, pois pra te matar não havia impedimento, imagino que 80 foi meio época de rua sem lei, covardia devia rolar de monte. Já os anos 90 que foi o que acompanhei melhor e pude participar, era foda a imprensa ainda valorizava muito em manchetes os feitos dos pichadores e por conseqüência a população exigia uma ação das autoridades. Resultado chapa quentíssima. Hoje em dia era 2000 lembro exatamente do dia como voltei a charpi lembro até que na minha segunda saída que foi com o KOR, nós comentamos que os “menó” de hoje em dia deviam passar mal pra charpi, muito segurança particular, ronda da polícia toda hora, muito táxi, mas encontramos também algo que facilitou a nossa vida, o grafiti, como a sociedade tolera e até admira o grafiti esse é o grande dichave do pichador, utilizei diversas vezes esse caô hehehehehehehehhehehe.

14 - Qual a melhor parada que tu ja pegou?
Porra cara essa pergunta é foda, é a mesma coisa que perguntar qual filha tu gosta mais hahahhahh. Mas tem umas que se destacam em minha memória, a 1ª que panhei junto com o FICO e o NILO na Tonelero esquina com Anita Garibaldi, uma que panhei sozinho de amarelo em cima do Oxford na Nossa Sra. de Copacabana que subi 3 vezes na mesma madruga e escrevi “viva a maconha”, outra tb sozinho que escrevi “de fuga” mas poucos leram isso, duas que panhei junto com o SHAK e o DAK, uma altona na Nossa Sra. de Copacabana esquina com Djalma Ulrich, onde antes tinha VINGA e SAGÃO, e outra na Av. Princesa Isabel em cima da Sedan onde tinha FAKA e XEL, que pra dar uma gastada no DAK escrevi “o rei da sul” (hahahahahah que prepotência a minha), outra também com o SHAK e FAL na Nossa Sen. de Copacabana em cima do Ponto Frio onde escrevi “18 anos”. E na volta o mano KOR lembrou bem a marquise da primeira filmagem, eu, ele e ASTA, uma outra eu e CAB na Hilário de Gouveia com Nossa Sen. eu e ALGA na Sen. Vergueiro um tintão velhão, eu sozinho com o pé quebrado em uma marquise que ninguém panhou (que eu saiba), na Nossa Sen. esquina com Belford Roxo em frente ao Bob’s onde tinha LOBINHO, outra que panhei sozinho tb do lado do meu prédio onde escrevi “meu pai, meu herói” e “amor de mãe é um só” essa é muito significativa pra mim. Mas enfim falei pra caralho, como eu te disse é muito difícil eu avaliar qual a melhor, pois todas têm o seu valor, é que nem filho.
E nessa aí que você pois 18 anos, é uma pastilha amarela perto da C&A que eu ia pegar , quando vi teu nome lá, quase tive um filho
15 - Já passou muito perrengue? Cite um.
Perdi as contas de quantas vezes cheguei em casa de viatura, não só por causa do charpi, mas também por causa de bagulho. É foda citar um só, pois foram vários, mas como a entrevista é de charpi vou falar uma dessa circunstância, eu SHAK e FAL no dia em que fiz 18 anos, fomos subir pra panhar e vimos o segurança achamos melhor desenrolar antes de subir, o FAL foi desenrolar, o segurança falou que tava tranqüilo, eu não levei muita fé não, mas subimos, panhamos e na hora que descemos já estando na rua vejo duas viaturas em cada esquina, já falei logo perdemos, não deu outra, já veio uma na mão e outra contra e nos parou dizendo que éramos ladrões e nós dizendo que éramos pichadores, os canas perguntaram aonde que estava a lata, a gente deu o papo que tava na marquise ele mandou um subir e buscar, o escolhido foi o FAL, subiu, desceu e aí começou aquele caô todo, perguntou nossa idade,nós dizemos que éramos todos menores, inclusive eu, ele falou que com 16 anos tava era comendo buceta que esse negócio de pichar é coisa de filho da puta e o caralho, aquele sermão de cana. Aí falou que ia levar pra delega e não ia ter desenrole, pôs eu e FAL em uma viatura, e o SHAK em outra, falou a vera, mas ficou de rolé com a gente pondo aquele terror, o FAL querendo me livrar ou me fuder de vez mesmo falou: “Pô senhor libera pelo menos ele que fez aniversário hoje, fez 18 anos”. Porra na hora eu falei to fudido, 2 papos é foda, mas por incrível que pareça o cana não deu muita importância, na verdade acho que nem ouviu, aí ficou nisso até que rolou uma nova ocorrência na esquina da Prado Júnior e ele foi lá ver, mas não dispensou a gente, fomos juntos. O FAL pediu pra ir na viatura onde estava o SHAK o cana deixou e eu fiquei lá sozinho ouvindo as histórias deles, falou que a outra viatura tava um cheiro de merda fudido desde a última ocorrência que pegaram uma mulher morta em um banheiro e tava toda cagada, eu fiquei só imaginando a viatura. O pm que estava na minha viatura também saiu pra averiguar essa ocorrência na Prado, era uma irregularidade de documento de carro e eles estavam querendo sufocar um dinheiro da mulher, mas a mulher tava doidona e ficou falando pra caralho, meio que dando em cima do cana e o cana jogando seu charme hahahaahahahahahah e eu ali na viatura puto da vida querendo ser liberado logo, aí do nada chega o SHAK na viatura reclamando à vera da outra que ele estava, dizendo que tava fedendo a merda e cheio de barata, eu ri pra caralho e expliquei o motivo, ficamos marcando maior tempão lá até que desenrolou a ocorrência lá e decidiu o que fazer conosco, fomos levados um a uma em casa, o primeiro foi o FAL, chamou a mãe dele, desenrolou tentou tirar um dinheiro, mas acho que não conseguiu, depois foi o SHAK, chamaram a mãe, fizeram a mesma coisa e sem sucesso também, aí como sempre sobra eu, os caras já dão o papo que eles não queriam ver ninguém, mas que era pra eu arrumar uma merreca pra eles que eles iam ficar aguardando em frente de casa, eu falei que tava tranqüilo, fui em casa contei o pouco dinheiro que tinha, duas notas de um real e moedas sortidas que somando com as notas davam a impressionante quantia de 5 reais, olhei pro lado e pensei em outra parada pra dar uma valorizada na propina, vi um walkman, meio velho que era até do SHAK, aí pus o dinheiro do lado do wakman, sem fone e sem pilha e cheguei a conclusão que era melhor tentar a sorte e não sair de casa, pois se levasse isso com certeza eles iam apreender e ainda me levariam pra assinar. Foi foda, cada interfone que tocava na portaria eu achava que fossem eles, mas os canas foram sábios e não foram ao meu apartamento.
16 - Qual foi a pior rodada?

Porra cara a pior rodada com certeza não foi no charpi, mas vou contar uma recente que pra mim foi foda, até já contei no fotolog esse caso, aliás como to escrevendo pra caralho e já quero terminar logo essa entrevista vou utilizar o famoso ctrl+c, ctrl+v.
DOMINGÃO NEURÓTICO, EU KOR E ALGA, COMEÇANDO POR COPACABANA PELA SIQUEIRA CAMPOS INDO PRA BOTAFOGO. DEMOS MÓ ROLEZÃO JOGANDO NOME SÓ NOS ETERNOS, PELA SÃO CLEMENTE E DEPOIS PELA VOLUNTÁRIOS. PASSAMOS EM FRENTE AO BINGO QUANDO O KOR PERGUNTOU SE O ÇARANGU IA ENTRAR NUMA SE JOGASSE UM NOME DO OUTRO LADO DA RUA, EU DISSE SEM DÚVIDA, ELE NÃO ACREDITOU, PANHAMOS UMA ESTEIRA UM QUARTEIRÃO DEPOIS. CONTINUAMOS ANDANDO EM DIREÇÃO AO HUMAITÁ, QUANDO O ALGA CISMOU DE SUBIR NUMA MARQUISE Q EU E O TROY JÁ TÍNHAMOS PANHADO, JÁ SAIU SUBINDO PELA FRENTE EXPLANADÃO, EU LEVEI O KOR PRA SUBIR PELA TRETINHA, QUANDO FUI VOLTAR PRA ESCOLTAR JÁ VI DOIS CIVIL JÁ APONTANDO A PISTOLA PRA MIM MANDANDO VOLTAR. AÍ FICOU EU E O KOR EM BAIXO E O ALGA EM CIMA, NÓS FALÁVAMOS PRA ELE DESCER, O CIVIL TAMBÉM MAS ELE NÃO DESCIA, MAS TAMBÉM QUANDO DESCEU TOMOU LOGO UMA FRITADA NA CARA. AÍ O SAFADO PANHOU R$6,00 + CEL DO KOR E APRESENTOU SUA IDENTIFICAÇÃO FALOU QUE ERA POLÍCIA E DEPOIS PANHOU MEU TEL TAMBÉM E JÁ POS NO BOLSO. AÍ FICOU JOGANDO UM TERRORZINHO MERDA E PINTOU A CARA DE GERAL DE PRETO E BRANCO(MEU CABELO E BRAÇO), E MANDOU A GENTE RALAR. FOMOS SAINDO QUANDO ME DEI CONTA QUE O MEU CELULAR TINHA FICADO COM ESSE FILHO DA PUTA, FUI ATRÁS DO PREJUÍZO. FALEI EU: - SENHOR, VOCÊ ESQUECEU DE DEVOLVER MEU TELEFONE. ME IGNOROU DEU MAIS ALGUNS PASSOS FALOU COM O COLEGA ALGO E DISSE EM SEGUIDA COM A MERDA DA PISTOLA EM PUNHO: - VOCÊ QUER SEU TELEFONE? VOU QUEBRÁ-LO TODO NA SUA FRENTE. AÍ E DISSE: - QUEBRA AÍ. ENTÃO ELE BOLADÃO VEIO EM MINHA DIREÇÃO COM A ARMA APONTADA PRA MIM MANDANDO EU IR EMBORA QUE ELE IA ME MATAR. FILHO DA PUTA MÓ COMÉDIA JA TINHA PINTADO PRA QUE LEVAR OS TELEFONES E O PIOR Q NEM LIGAR O APARELHO ESSE MERDA LIGOU PRA NÓS DESENROLAR, É UM CUZÃO. MAS RESUMINDO OS FILHOS DA PUTA ERAM SEGURANÇAS DA PORRA DO BINGO E AINDA CHEGARAM DE TAXI. AÍ VOLTAMOS A PÉ PRA COPA. FOI FODA, QUANDO FUI LIMPAR TINHA TINTA ATÉ DENTRO DO NARIZ, MINHA BARBA E MEU BIGODE FICARAM DURÃO PRINCIPALMENTE O BIGODE, PRA LIMPAR FOI FODA FIQUEI COM A CARA VERMELHONA DEPOIS.
Vários erros de concordância (rs), mas ta aí o caso contado por mim mesmo no nosso fotolog. Eis o link: http://www1.fotolog.com/legalize1995/20665479
17 - Depois dessa história triste, conte qual foi a melhor saída?
Porra essa parada de contar uma só é foda, difição. Pó cara ainda mais que saí muitas vezes, mas acredito que todas foram muito boas, pois estou vivo e com saúde até hoje, e pra mim isso é o que importa, mas destacarei algumas, as saídas logo quando tava começando a pichar que de repente surge, ZAG, END, e etc.. na saída do CPII Dance (baile que rolava no Pedro II do Humaitá), fiquei de bobeira, várias saídas com o bonde da C.P., mulecão indo pra botafogo achando que tava atravessando o Rio de Janeiro, hahahahahh, depois várias também com o bonde da T.G., aí nós íamos longe, já íamos até o Flamengo, Laranjeiras, Ipanema hahahahahaahahah, depois quando entrei pra Legalize que foi aquilo né, várias saídas maneiras, parando no ponto e entrando no primeiro que parasse e saltando só no ponto final, ou então na época que o DAK se mudou pro Méier, ia eu SHAK, NAF, BUDA, JAF dar umas bongadas e aguardar a hora de charpi por lá, essa época foi show, sem falar às vezes que saí sozinho tanto no passado quanto no presente, e falando em presente só rolou saída maneira, com excessão de uns contratempos, logo no início da volta eu KOR e ASTA, várias missões maneiras e tranqulias, umas filmadas e outras não, depois quando rolou a missão linha 2, essa saída foi show, eu, KOR, BLADE, WEDA E SEL, foram três domingos e uma segunda, nem todos estavam presentes todos os dias da missão, mas eu tava hehehehehheh, lembro que eu WEDA e SEL, saltamos na Pavuna e fomos até Nova Iguaçú pela Via Light a pé, lembro também de em outro dia eu, KOR e BLADE andando do Irajá a Del Castilho. Lembro também de uma saída para o Horto, J.B. eu, ALGA, CAB, GOF e FLOD’S, essa foi lazer total. Porra sem contar a honra que foi pra mim nessa volta colocar nomes com os caras que admirava no muro e que nem imaginava que um dia iria conhecê-los, quiçá colocar nome junto, como, STU, FANY, RECO, GOL, SOD, RUNK, COBRA, SAGÃO, SABAR, ACK, DARK, FRADE, RANES, ESY, HAIR, porra teve um churrasco que o SOMA fez que foi foda uns 30 pichadores pichando ao mesmo tempo, porra só cascudo e eu ali junto, foi show, na casa do SOLO em uma entrevista lá foi inesquecível tb, vários feras LEY14, PEQUENO, TICO, TRIBO, BIRIBA, e no churrasco da penha de outubro foi foda tb lá na estação do trem junto com HAIR, KLUK, KINKA, METAL. Pô várias saídas maneiras, vou parar por aqui se não vai ser foda.

18 – Se arrepende de ser ou ter sido pichador? Por que?
Claro que não, se tivesse me arrependido não teria voltado, e pra mim é orgulho pertencer a esse grupo social que é violentamente pacífico, e que como já disse de suma importância para a compreensão de uma época.

19 - O quê a pichação te deu?
Muitas histórias, aventuras, experiências, conhecimento, sagacidade, amizades que carregarei comigo por fora dos muros, uma pasta que a cada dia está mais gorda ahhahhahahah, um pé quebrado que ainda não calcificou direito, olheiras, cicatrizes superficiais, e uns tic nervoso, que agora já ta melhor.

20 - O que a pichação te tirou?
Em determinadas circunstâncias minha integridade física e moral,horas e horas de sono, a tranqüilidade de quem se preocupa comigo, dinheiro, meu telefone celular, roupas que mancharam de tinta ou foram rasgadas em missões.
21 – Quase esqueci de perguntar, você é de que área?
Copacabana (Praça do Lido)

22 – Já morou em outras? Quais?
Quando criança legal, morei em Santa Tereza e depois no Flamengo, aí fui pra Copacabana e depois passei algumas temporadas em Minas Gerais.

23 - Já usou o famoso Fat Cap? O que achou?
Claro. Gosto muito do uuuuultra fat cap, gasta muito, mas vale a pena. Também gosta de usar muito o skinny que é o mais fino de todos, para os eterninhos é o que há.
A tinta da entrevista está acabando, então vamos a um pá e bola.

24 Qual teu time?
Botafogo, O Glorioso

25 – Ouve que tipo de som?
Ouço muita coisa desde o funk antigo, é claro, até Daminhão Experiênça, se eu for citar artista por artista vai ficar pesado, e falar de gênero musical é foda pq em todo gênero tem artista bom e artista merda. Mas citarei alguns: Mutantes, Novos Baianos, Secos e Molhados, Som Imaginário, Jorge Mautner, Chico Buarque, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Elis Regina, Maria Bethânia, Clara Nunes, Clementina de Jesus, Jorge Ben, Pink Floyd, Led Zeppelin, The Doors, Rolling Stones, Beatles, Black Sabbath, Iron Maiden, Garotos Podres, Raul Seixas, Cazuza, Jethro Tull, Rick Wakeman, Eric Clapton, Jimi Hendrix, Janis Joplin, Bob Marley, Peter Tosh, Abssynyans, Pablo Moses, Israel Vibration, Steel Pulse, Black Uhuru, Tribo de Jah, Edson Gomes, Adão Negro, Chico Science & Nação Zumbi, Cordel do Fogo Encantado, Jackson do Pandeiro, Luiz Gonzaga, Trio Nordestino, Pífanos de Caruaru, Mestre Ambrósio, Alceu Valença, Zé Ramalho, Planet Hemp, os 1ºs discos do Rappa, Beast Boys, Public Enemy, Rage Against The Machine, Cypress Hill, Wu Tang Clan, Facção Central, Dexter, GOG, Racionais, Mv Bill, e é claro MouChoque. E isso por que citei apenas alguns, hahahaahaha.

26 - Algum filme? Qual, quias?
Esse vai ser foda também, mas separando em nacional, europeu e americano, citarei alguns: Nacionais: Terra em transe; Deus e o diabo na terra do sol; Amor bandido, Todas as mulheres do mundo; Lamarca; O que é isso companheiro; O homem da capa preta; Canudos; Amor estranho amor; Doida demais; Cidade de deus; Madame satã; Diabo a quatro; O homem do ano; Durval discos;
Europeus: O anjo exterminador; Os esquecidos; O alucinado; Persona; O sétimo selo; Amarcord; Ata-me; Volver; Cinema paradiso;
Americanos: trilogias do Poderoso Chefão, Rocky, Superman, entre outras também, The Warriors; O último dragão; O Iluminado; Laranja Mecânica; Tempos Modernos; O Grande Ditador; King Kong; E.T; Faça a Coisa Certa; Perigo Para a Sociedade; Cães de Aluguel; Basquiat; Forrest Gump; A Praia; Poltergeist; O Exorcista; Seven; Silêncio dos Inocentes; Psicose; Pássaros; Todos os Homens do Presidente; Cidadão Kane; 12 Homens e uma Sentença; Censura Máxima; Rockers; Stoned; Johny e June; Ray; Cheech & Chong (Up In Smoke, Nice Dreams, In Amsterdam, Next Movie);
Documentários: Notícias de uma Guerra Particular; Nascidos em Bordéis; 174; Peões; Barra 68; The Big One; Tiros em Columbine; Sicko; Farenheit 11/09; Dieta do Palhaço; O Prisioneiro da Grade de Ferro; Wild Style; Scracth; Grass (Maconha);

27 - E livro? Qual, quais?
Manifesto Comunista; A História da Riqueza do Homem; O Príncipe; A Arte da Guerra; CV PCC A História do Comando Vermelho; Queimando Tudo Biografia de Bob Marley; Enterrada Viva Biografia Janis Joplin; Baú do Raú; Rota 66; O Abusado; Siddhartha; Mate-me Por Favor; On the Road; Assessora de Encrenca; Noites Tropicais; Almanaque anos 80 e 70; Síndrome de Peter Pan; hahaahahahahahah. Livro não li muito não, são só esses aí mesmo, os fotologs consomem legal.

28 – Tem profissão? Qual? (Resposta opcional)
Músico e estudante de jornalismo

29 - Como você viu esse boom da pichação de uns anos pra cá?
Impressionante. Até hoje me indago sobre a causa disso. Se souber a resposta me diga por favor.
Acho que pra essa pergunta não existe resposta

30 – Se seu filho (caso tenha) fosse pichador, o que você faria?
Situação complicadíssima essa, muita conversa, se não adiantar vou com ele, mas tentaria fazer com que ele desistisse disso, pois é muito risco e tem muito covarde na pista. Graças a Deus ainda não tenho filho e não preciso passar por essa decisão agora hahahahhahah.

31 – O que tá achando da entrevista?
Muito interesante, tanto que vou copiar todas as suas entrevistas para guardar em meu acervo hehehehehhehehe. Mas como sugestão a partir das entrevistas que chegaram ou vão chegar, selecionar alguns entrevistados e fazer outras perguntas, direcionadas ao entrevistado mesmo. Acho que seria de grande valia.

32 - O que você diria para os que estão começando agora?
Nada é para sempre. Nunca coloque a pichação em primeiro plano, pois sua vida e a tranqüilidade sua e de sua família é muito mais importante.
33 – Você lembra onde ou quando me conheceu? (resposta opcional) pois podemos não nos conhecer.
Sim, claro. Devia ser entre os anos de 96 e 97, voltando de uma missão paramos no mini market da esquina da Prado Júnior em Copacabana e adivinha quem é que estava trabalhando lá? Isso, você mesmo NUNO. Lembro que pagava cem gramas e vinha um quilo de salgadinhos, hahahahahah sempre fortalecendo os amigos.
É mesmo, eu arrumei aquele emprego de madrugada , pra tentar sair do xarpi, estando ocupado de madrugada, não teria tempo pra xarpi, mas quase todo dia ia um pichador lá, voltando de uma missão, e ficava me contando as saídas, acabei pedindo pra me pasarem pro turno da tarde, pra eu poder sair, o esquema do fortalecimento era mais ou menos assim, você tinha que pagar antes de comer, você pagava 100 gramas e me dava a ficha, eu colocava o que achava que era 100 gramas, várias vezes virou 1 quilo, o Riso já siau de lá cheio de barra de chocolate, e torta, hahahah, aquilo faliu depois de mim, literalmente destri o visual do mini maket.

33– Deixe um recado pra quem estiver lendo sua entrevista:
Você que acaba de perder um tempo precioso da sua vida querendo saber sobre a minha. Desligue o computador e vá ler um livro! Hahahahahahahahahahaahah.
Valeu irmão, mandou bem nas respostas, muito bem desenroladas, e criativas, sorte aí nas estradas da música e no jornalismo, quando se formar, leva o reporter aqui pra um estágio. Prometo não levar tinta
Quase esqueci, se eu não falar isso aqui, não vou me perdoar, aí rapaziada, NED é mas conhecido como Gabriel O Pichador, hahahah!!!
Próxima entrevista será com DISK 153 (Pichador lá de Porto Alegre)

8 comentários:

Anônimo disse...

Gente... COMO O NED FALA!!! PQP!!!

Achei muito engraçado ele gostar de Garotos POdres...uahahuuhah... conheço essa banda...

Ainda bem que largou a coca... isso faz um mal danado ao organismo...

Entrevista grande mas bem legal...

Abração NUNO

NED disse...

VALEU PELO ESPAÇO NONU, SABE QUE ESTAMOS JUNTOS. MAS AÍ A FOTO QUE TE MANDEI NÃO CHEGOU OU TU PREFERIU ESSA?
ABRAÇOS
NED
_\!/__\!/_LEGALIZE_\!/__\!/_

FODÃO - FL disse...

NED MALUKO HUMILDE PACAS...CONHECI ELE NAS REÚS DA VIDA E FIZ UMA MISSÃO BEM SUCEDIDA COM ESSE AMIGO...HUMILDADE EM PESSOA...
REPRESENTOU NAS PALAVRAS AMIGO NED...
MUITA FÉ !!!!!!!!!

tiago disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
bras tw disse...

esse dae eh pureza total.....maluko humildao....


abraços....

J T ´´S r u d disse...

GAROTOS PODRES é punkada!!! muito bom o som..as entrevistas sempre estão show de bola... quando voce entrar no msn a gente se fala...passe no meu fotolog la... teh mais!!!

www.fotolog.com/justiceiroszo

quem sabe um dia eu tenha a possibilidade de ir ao rio novamente... abraço!

Anônimo disse...

entrevista boa eh assim, bastante coisa escrita
ficou maneiro
falou

Anônimo disse...

caraiii !!!!esse mano fala pra caraleoww !!hahahaha
Vi pela primeira vez o nome dele assintindo à um vídeo produzido pela rapaziada da "legalize" e olha como são as coisas...agora sempre q vou na sul reparo no nome desse mano....PAZ ......ligoy.....